Skip to content

Caravaggio, um lombardo em Minas Gerais

6 de junho de 2012

Não resisti a tentação de escrever outra vez sobre Michelângelo Merisi. Quando estava pensando no título, lembrei-me do querido amigo Carlo Viganò, que infelizmente não está mais entre nós. Viganò também era nascido na Lombardia, ele falava que Minas era o estado brasileiro que mais lembrava a Lombardia, talvez pelas montanhas,deixando assim mineiros e lombardos com um jeito um pouco parecido. Sei que Viganò se identificava muito com Minas, e suas vindas sempre nos trouxeram conhecimento, que ele sabia muito bem transmitir. Para mim representa muita emoção, saber que um dos lombardos mais conhecidos de todos os tempos, Caravaggio, está ali na Casa Fiat, lugar belorizontino que pertence à Nova Lima. Não resisti fui no primeiro fim de semana, uma fila que deixava quem gosta de arte feliz, afinal neste mundo de consumo de objetos, um número grande de pessoas usando seu precioso tempo para se deleitar com a obra de Caravaggio e seus seguidores é no mínimo um bom sinal.

 Toda a exposição está belíssima, mas quando fiquei de frente para o quadro San Girolamo che scrive(São Jerônimo que escreve), fiquei estática, parecia que eu estava sendo puxada para a cena, tamanha dramaticidade emanada da tela. São Jerônimo, coberto não por vestes de Cardeal, mas por um manto vermelho, apresentado como um eremita, para o qual Caravaggio se serviu de um modelo real. Ele está sentado a uma mesa cheia de livros, o manto vermelho não se adere ao seu corpo, pois a púrpura era muito preciosa e só os ricos podiam permitir-se ter. Historiadores colocam que provavelmente foi uma homenagem ao Cardeal Borghese (para quem era a obra). São Jerônimo está escrevendo a “Vulgata”, ou seja, a tradução da Bíblia do hebraico para o latin.A caveira a esquerda do quadro é símbolo da morte, da precariedade da vida. São Jerônimo está concentrado sobre o livro, em particular em um determinado ponto, aqui emerge uma sujestão visual, o observador crê entrever os olhos do santo por causa da inclinação da testa, mas na realidade Caravaggio não pintou os olhos sendo impossível vê-los. A luz entra fortemente pela esquerda na escura sala onde São Jerônimo está, colocando em evidência com grande realismo a consistência dos livros e a imagem velha e consumida do próprio santo. Caravaggio não parte do mundo das imagens para precipitar sobre a realidade, mas ascende da realidade e uma imagem dessa é representada. Todas as obras da exposição merecem um olhar aguçado coberto de sentimento, para mim faz sentido Caravaggio ser chamado de primeiro cineasta da história. Desejo que esse lombardo maravilhoso  passe lindos dias nas montanhas de Minas.

 Roseli Cordeiro Pereira

Pesquisa bibliográfica: http://www.atuttascuola.it

                                              História da arte italiana: Argan, Giulio Carlo-vol 3-ed Cosac&Naify

Anúncios

From → arte, caravaggio

12 Comentários
  1. Helder permalink

    Roseli, minha sempre querida.
    Vontade de ficar olhando São Jerônimo longamente…
    Estou ainda sob os efeitos de sua arte: os dois crânios.
    Realmente, é impressionante como Caravaggio deixou a luz nos dois crânios, à medida que foi escurecendo tudo à sua volta…
    Viu como a Morte olha tudo com uma placidez incrível?
    Em cima do livro que traz as palavras eternas, a oposição de uma Morte impávida e insistente.
    O santo apega-se à vida, com sua pena de escritor, aponta a Morte, inscreve no papel suas marcas eternas.
    Vontade de ficar olhando os dois crânios, longamente…

    Abraços.

    Seu blog é um prazer.

    Helder.

    • Helder, é impressionante como um quadro pode nos trazer tantas reflexões a respeito da vida, de como ela é um sopro.
      Beijos, obrigada pela colaboração. Beijos Roseli

  2. Rose,
    Só você mesmo!
    Nossa pauta na aula hoje pela manhã foi “seu” Caravaggio.
    Parabéns por mais esse post de boa leitura e aprendizado!
    Grande bj

    • Ei Bia, vamos ao ponto, nosso Caravaggio fica melhor.Ele é mais do que um pintor, ele é um artista, como dizia Viganò ärtista é aquele que consegue ir além do seu tempo.Beijos Rose

  3. Cristina Franco permalink

    Rose querida,
    aprendi a contemplar Caravaggio com você. Sua paixão me contagiou. Ele é fantástico com o seu jogo de luz e sombra refletindo sua vida tão conturbada e a clemência pelo perdão nos seus últimos anos de vida.
    Obrigada por ter me tornado admiradora deste lombardo tão especial.
    Um grande abraço saudoso
    Cris

    • Ei Cris, é muito bom saber da sua nova paixão, história da arte, afinal desde as pinturas rupestres o homem vem deixando suas marcas.Sua amada França tem registros impressionantes.Beijos Rose

  4. Luzmarina permalink

    Roseli querida amiga,
    para nossa alegria as filas continuam grandes à entrada. É um prazer voltar para casa depois de ver essas obras primas e ler suas observações que ampliam nosso olhar.
    bjs,
    Luzmarina

    • Luz, saudades. Realmente tendo oportunidade as pessoas são tocadas pela arte.
      É impressionante como Caravaggio trás tantas possibilidades na sua obra.
      Beijos Roseli

  5. Natália O. Esteves Damasceno permalink

    Querida Roseli,

    Saudades de vc…conversar com vc, ouvir seus conselhos…seu blog continua lindíssimo! Meus parabéns, grande beijo. Natália.

  6. Heloisa Matos permalink

    Roseli,
    Ver Caravaggio é uma oportunidade que não pode ser perdida. Nesta semana visitei a exposição na Casa Fiat, minha vontade era de não sair dali, tal meu encantamento.O jogo de luzes e cores me encantaram. A cor da pele dos personagens, as unhas, que perfeição. Divino! O escudo com a cabeça de Medusa, maravilhoso!
    Parabéns pelo blog. Visitarei sempre.

    • Cara Heloísa,
      realmente é impressionante o tanto que a obra de Caravaggio mexe com as pessoas, ele mostra que a presença divina está em nós e em que nos cerca.
      Beijos Roseli

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: